ELEIÇÃO " O PODER DO VOTO"

Vivemos atualmente em um regime democrático que siguinifica literalmente um governo do povo, que emana do povo e que a ele pertence. Regime que foi criado na Grécia Antiga onde os gregos elegiam seus representantes e a eles delegavam o poder de representá-los na defesa de seus interesses. Hoje também nus é dado o direito de elegermos nossos representantes Políticos que, devem respeitar o poder que lhe são facultados para bem nos representar e defender nossos interesses, nossas causas e sempre agir norteados pelos valores da ÉTICA, da MORAL e principalmente pensando sempre na defesa dos interesses coletivos da população. Mais será que é isso que acontece hoje com os nossos políticos? A verdade está ai para nos mostra que não, ao contrário, grande parte dos políticos se utilizam do poder que lhe são dados através do voto, para defender apenas os seus interesses pessoais, e estão ai vários exemplos: O Menasalão, o escândalo do panetone no Distrito Federal como governador Arruda recebendo propina e etc.Enquanto os políticos (não todos mas a grande maioria)ficam ricos comendo na mesa farta do poder,Banqueiros ficam cada vez mais ricos,milionários.O Povo continua pobre(são milhões de pessoas vivendo a baixo da linha da pobreza no Brasil.)sem Educação,sem Moradia,sem Saúde sem direito a VIDA.Vida esta que Deus gerou e que os homens a tiram, pois não a vida se não a o que comer se não a onde morar.O povo tem que ter ao menos o direito de ter Esperança de uma vida melhor.Os políticos e todos nós devemos estar comprometidos com o povo de Deus e juntos lutar para acabar com a fome e fazer acontecer Justiça Social. Novamente está em nossas mãos a possibilidade de mudança, mais, uma mudança verdadeira do velho para o novo, já passamos por várias experiências e podemos distinguir o bom do mau político, devemos analisar quem de fato esta trabalhando por uma melhor condição de vida da população, quem esta ao lado da população lutando por uma vida melhor e por nossos Direitos, e, diferenciar essas pessoas daqueles políticos que só aparecem de quatro em quatro anos. Temos uma grade responsabilidade, pois quem elege nossos Vereadores, Deputados, Prefeitos, Governadores e Presidentes somos nós, o que os colocam no poder é o nosso voto. Por tanto o poder é nosso; Então temos que fazer nossa parte para depois cobrar que os políticos façam a parte deles. Para isto devemos estar Organizados e Unidos, pois o poder está em nossas mãos. Um Brasil melhor é possível!Basta agente querer e ir LUTA! Felipe Curi

cidadão em ação

cidadão em ação
inalguração de conjunto residêncial na imbiribeira ao lado do prefeito João da Costa e da Presidente da Caixa Economica

quinta-feira, 29 de abril de 2010


Sucessão de equívocos
João Paulo chegou a humilhar João da Costa

POSTADO ÀS 10:51 EM 29 DE Abril DE 2010

DO BLOG do Jamildo escrito por ele.

Lamento que eu tenha perdido o timming de escrever uma nota sobre os bastidores do rompimento entre João e João.

Ia fazer isto quando João Paulo, mandando a humildade às favas, afirmou que elegeu um ilustre desconhecido. Acabei não fazendo.

Mas a resposta dada ontem por João da Costa afirmando que João Paulo queria assumir seu papel dão nova oportunidade de tratar do tema.

“João Paulo queria continuar como prefeito, mesmo eu sendo o eleito. Essa condição eu não aceitei. Ele queria assumir meu papel”, afirmou, em entrevista à Rádio Capibaribe.

De fato, João Paulo chegou ao ponto de humilhar João da Costa.

O ex-prefeito chegava a exigir a presença do prefeito em seu escritório político, como se um subordinado fosse. Fez isto uma, duas, três vezes, até que feriu os brios do apadrinhado. Quem não ficaria igualmente chateado?

João da Costa disse que não poderia ser assim, João Paulo não gostou e a relação desgastou-se desde então.

Sei de pelo menos um caso em que João da Costa foi magnânimo, obrigado a engolir calado as traquinagens de uma figura de segundo escalão ligada ao ex-prefeito, em nome de um projeto das esquerdas. A moça devolveu o dinheiro, mas acabou sendo demitida.

Os bastidores desta briga só me foram revelados recentemente, razão pela qual não divulguei nada à época. Se soubesse, teria posto no ar. Blog do Jamildo.


INFELISMENTE ISTO TEVE QUE VIR A TONA, NÃO ERA PRA ACONTECER MAIS O PREFEITO NÃO PODERIA FICAR MAIS TEMPO CALADO.AINDA BEM QUE ESTAMOS TRATANDO NA POLÍTICA, E POR SER TAM DINAMICA E SE MANTENDO A ÉTICA TUDO PODE ACONTECER. FELIPE CURI.

segunda-feira, 26 de abril de 2010













“Não sou traidor”, diz João da Costa


Prefeito oficializou rompimento com grupo de João Paulo

Da Folha de Pernambuco

Um dia após ter anunciado a sua saída do Campo de Esquerda Unificado (CEU), o prefeito João da Costa críticou o tratamento que vinha recebendo de membros do grupo desde o ano passado, quando se afastou do seu ex-padrinho político, o ex-prefeito João Paulo. “Hoje, a liderança do CEU é de João Paulo. Nos distanciamos administrativamente e os últimos episódios fizeram com que nos distanciássemos também politicamente. Na semana passada, o ex-prefeito tentou me desqualificar mais uma vez”, lembrou Costa, ressaltando que estava sendo rotulado de “traidor de um projeto político” em encontros da ala. “Em reuniões, estavam me adjetivando como traidor. Não sou traidor!”, refutou o petista.

Sobre a pecha que lhe fora atribuída em determinadas reuniões do CEU, João da Costa disse haver “um conjunto de assuntos” que ainda não foram revelados publicamente e nem para os membros de sua ex-corrente que a desmentem por completo. Questionado sobre o conteúdo desse conjunto de assuntos, o gestor preferiu não detalhar as diferenças existentes com o seu ex-padrinho político. Costa lembrou que, mesmo recebendo ataques nos bastidores não deixou de apoiar o nome de João Paulo na disputa que o ex-gestor travou com o ex-secretário das Cidades, Humberto Costa, pelo Senado.

“Apoiei o seu nome politicamente. Logo após a escolha do nome do candidato ao Senado, decidi deixar o CEU para viver um novo momento”, revelou o prefeito. Na sequência, ele bateu na estrutura do grupo e na forma como as discussões são travadas. Segundo ele, não há mais a mesma configuração de quando o CEU foi formado, o que estaria gerando um esfacelamento político da corrente. “Havia uma desintegração política. E isso não foi dito por mim. Não fui eu que reclamei de não participar das discussões (que indicaram Humberto ao Senado). Fato que era corriqueiro”, reclamou.

Em reserva, integrantes do CEU balizaram as reclamações do prefeito sobre o tratamento que ele vinha recebendo dentro do bloco.”Ele, muitas vezes, não era nem chamado para as reuniões”, revelou um petista, para depois completar: “E suas considerações, as suas opiniões eram descartadas. Isso aconteceu demais. O prefeito formalizou algo que já era notório. Parou de assinar embaixo do que ele simplesmente não concordava”, sintetizou a fonte. Outro petista interpretou a saída de João da Costa como uma crônica anunciada, que era esperada tanto pelos mais próximos de João Paulo, quanto pelos que demonstram mais simpatia por Costa. “Era algo que era para acontecer faz tempo. Não fazia sentido a sua permanência. Quem está mais do lado de João Paulo queria vê-lo fora e o povo que se aproximou dele, queria um novo grupo”, atestou a fonte. Postado do blog da folha de Pernambuco.
Minha opinião é que "Embora nínguem possa fazer um novo começo,podemos recomeçar, e fazer um novo fim."Chico Xavier. O nosso prefeito João da Costa em nenhum momento se colocou contra o ex. prefeito João Paulo até porque somos todos parte do mesmo projeto, mais PROJETO é feito por pessoas e devemos respeitar a opinião de todos e não podemos ficar apenas balizados por opiniões ou direcionamento de dois grupos majoriários no PT de Pernambuco devemos nos permitir a dialogar e refletir sobre outras óticas e visões de mundo, será que o PT continua na mesma linha de atuação que ele se propôs na sua fundação? Lógico que temos que ressalvar que tudo muda e a política ainda mais, mas não podemos cair na mesmice de outros partidos, o PT sempre foi vanguarda na luta por mudanças na sociedade e no direito de expressões e ideias diferentes, não se pode agora negar o direito de outros companheiros pensar e tentar praticar a política dentro e fora do partido de forma diferente o prefeito João da Costa não pode ser tratado como traidor. Traidor de que? Nosso projeto de mudança de sociedade continua em execução através das ações da prefeitura, nosso compromisso com o povo se torna cada dia mais forte. Tentar colocar a imagem de traidor em João da Costa é desqualificar e vulgarizar a discussão política e esta estratégia só interessa as pessoas e políticos que pensam a POLÍTICA como um negocio que tem dono e só pode beneficiar a se mesmo e aos seus!Não acredito que seja a pratica de João Paulo e de outros companheiros, até por que sempre me inspirei na pessoa de João Paulo para construir minha personalidade política e atualmente tenho também como grande referência o companheiro João da Costa, por tanto, temos é que trabalhar na construção de uma sociedade justa e igualitária através da participação popular e dos movimentos sociais que garanta a todos os direitos fundamentais previstos na lei e principalmente previsto a vida desde sua concepção. E dentre esses direito está o de liberdade de expressão e de organização ainda mais dentro do Partido dos Trabalhadores que lutou e luta muito para garantir este direito a todos, quanto mais a um expoente membro do PT o Prefeito João da Costa! A união e o respeito é a base para a construção de um movimento rumo ao socialismo, RUMO A UMA SOCIEDADE DE FATO E DE DIREITO DE TODOS OS BRASILEIROS!

segunda-feira, 19 de abril de 2010






VAMOS UNIR! , ?

Humberto Costa foi o escolhido para ser nosso candidato a senador por Pernambuco, apois tantas indas e vindas, tantas intrigas e brigas internas agora a palavra de ordem é UNIÃO, o companheiro Humberto é sem duvida um nome que representa o partido e os movimentos sociais por sua história e militância, o companheiro João Paulo é a expressão da classe operária que chegou ao poder pelas forças populares, primeiro operário eleito Prefeito do Recife, reeleito e continuando o projeto popular elegendo-se prefeito O companheiro João da Costa indicado pelo mesmo, hoje já dispensa comentários pelo seu sucesso a frente da gestão que representa o povo no poder. Sem duvida todos teremos que unir força para continuarmos com o projecto de poder popular que deu certo no Brasil com LULA e vai continuar com Dilma, em Pernambuco com Eduardo Governador e Humberto e Armando Monteiro Senadores (que caberia uma discussão para saber que projeto este utimo representa) não podemos agora voltar atrás e colocar em risco tudo que está sendo feito no pais, os avanços que povo vem tendo por questões particulares e projetos pessoais de poder.Mas é infelizmente por hoje no PT que sempre foi diferente e sempre discutiu projectos e não pessoas e ao ter chegado no poder está caminhando para priorizar permanência de alguns iluminados e consequentemente seu grupos no poder, afastando-se cada vês mais dos movimentos sociais e populares e nesta caminhada não abrindo caminho para RENOVAÇÃO, que chegamos a este ponto de divergência interna, e que já deixou de de ser apenas interna faz tempo! Quando trocamos o sentimento coletivo por desejos pessoais, quem perde é o povo e a militância que acredita nas pessoas, que representam o desejo de todos, da grande maioria da população.Vamos a luta e iremos eleger Dilma, Eduardo e Humberto e todos que representam as forças populares, mas vamos no futuro ter um olhar para o novo e juntos modificarmos os rumos que este modo de escolhas de candidaturas vem tomando e a muito tempo que em nada contribui para o partido e muito menos para o povo É HORA DE RENOVAR! Mais como dizia MARX: PROLETARIADO DO MUNDO UNI-VOS!

sábado, 10 de abril de 2010


O QUE É SER DE ESQUERDA HOJE?
Em 1917 aconteceu uma dos mais marcantes acontecimentos da história conteporânia a Revolução Russa, e dela se desecandiou um regime de poder conhecido naquele pais e no mundo como Comunista e consequentemente deu origem a União Soviética que desde então inspirou o mundo a se organizarem aparti do proletariado para unidos tomarem o poder e construir o regime socialista no mundo, uma frase que marcou muito esse momento da história e que foi proferida por o maior idealizador desta forma de poder e de regime de estado Karl Marx foi: (PROLETÁRIOS DE TODOS OS PAÍSES UNI-VOS!) com esta frase Marx conclamava todos os trabalhadores do mundo a unir força e como ocorreu na Rússia através das ideias de Marx, e da objectividade e da ação prática de LÊNIN de executar revoluções socialistas no mundo e construir um Regime que desse aos trabalhadores o poder de com suas próprias mãos mudar a vida de todas as nações, com o proletáriado no poder eles poderão controlar os meios de produção e então fazer as mudanças necessária para melhora a vida de toda população, garantido a todos iqualitáriamente seus direitos fundamentais, que por muitos anos vinham sendo usurpados da maioria da população dominada por uma classe conhecida até hoje como a classe BURGUESA que "significa a classe dos capitalistas modernos, que possuem meios de produção social e empregados assalariados. E contrastando com o Proletáriado, a classe dos trabalhadores assalariados modernos que, por não ter os meios de produção próprios, são reduzidos a vender a própria força de trabalho para poder viver".( Karl Marx) E representando a ESQUERDA na época o partido Bolchevique liderado por Lênin, derrubou o poder dominador na época representado pelos Czar Nicolau II (que atualmente poderia ser comparado aos políticos de direita no Brasil.) e os trabalhadores através da luta armada conquistaram o poder, e outros exemplos como a Rússia se deram no mundo como no Vietnã ou no pais mais próximo de nos CUBA em uma revolução extremamente marcante para o mundo liderada por Fidel Castro e Che Guevara.
Por tanto, todos esses fato, acontecimentos e ideias marxista, permearam e ainda é muito presente nas cabeças e pensamentos de homens e mulheres que sonham com uma sociedade de Esquerda Socialista que o poder esteja nas mãos do povo, dos trabalhadores para se fazer um revolução social e política em todas as nações. Marx dissia que:
" Só quando os interesses individuais, se tornarem o interesse coletivo e o interesse coletivo de todas as nações se tornarem o interesse individual de todo povo, vamos ver a verdadeira revolução social e política ser colocada em prática". Eu também comungo do mesmo idealismo!
Após esta breve analise histórica da formação ideológica e de regimes de esquerda, o que é ser de esquerda hoje? Haja vista que não temos mais as mesmas caracteristicas do passado para que tenhamos os instrumentos e o cenário necessário para colocarmos em pratica uma ação revolucionária em que possamos tomar o poder através das armas como ocorreu no passado não tão distante, como por exemplo, na época da ditadura onde muitos companheiros(as) pegaram em armas para lutar pela democracia. Hoje a esquerda mudou suas táticas e ao invés de armas nos utilizamos sobre tudo as ideias e a arte do convencimento, a política, mostrando ao povo através da organização do mesmo,e de experiências e praticas já executadas que é possível chegar ao poder e o proletáriado, os assalariados, os excluídos, o povo tendo o controle da nação poderá colocar em prática uma verdadeira revolução que venham a acabar com todo sofrimento e injustiças que até os dias atuais permanece subjugando e usurpando os direitos fundamentais de todo cidadão.E a exemplo do partido de outrora que tomou o poder na Rússia, os Bolcheviques, hoje no Brasil temos o Partido dos Trabalhadores (PT) que uniu intelectuais e trabalhadores que sonhavam e sonham com um mundo melhor e inspirados por revoluções e conquistas dos trabalhadores no passado e também bebendo na mesma fonte ideológica das ideias de Marx, organizaram o povo e em 2002 tomaram o poder central do Brasil e estamos fazendo uma revolução política ,social e cultural no pais. Derrotamos a burguesia representada pelos partidos de direita no Brasil DEM e PSDB e começamos a colocar em prática todas as nossa ideias socialista e de esquerda que tínhamos e temos através da nossa experiência de termos nesta caminhada governado várias cidades como por exemplo o Recife,que aplicando um verdadeiro programa de esquerda e radicalmente democrático e participativo, o ORÇAMENTO PARTICIPATIVO, onde do mais simples cidadão até aqueles que tiveram mais oportunidades todos terem o mesmo poder de decisão e juntos poder mudar a sua cidade através de sua participação direta, até porque, o Orçamento Partipativo do Recife com o passar do tempo vêm se tornado um belo exemplo de formação política e social que antes era apenas realizado por partidos políticos, organizações sociais, a própria igreja católica progressista através do movimento eclesiástico de base, com grande inspiração marxista e tendo como grande expoente e patrocinador Dom Helder e Leonardo Bofi, formando a maioria dos nossos lideres de esquerda atuais; E o OP vêm também contribuir para esta formação pela pratica que seus membros executam no dia, dia e temos vários exemplos de pessoas que saíram e ainda moram em comunidades carentes que hoje se tonaram dirigentes do programa e outros que se formaram e tiveram suas ações politicas em outros movimentos e também estão fazendo parte e contribuindo para construção e ampliação do processo de partipação popular. Por tanto ser de esquerda hoje no meu modo de pensar é sobre tudo esta efetivamente participando e se colocando a disposição para lutar e organizar do povo para que ele continue avançando no rumo das mudanças que estam ocorrendo no Brasil, e principalmente indepedente de partido ou governo esta ou lado do povo nas suas lutas por melhores condições de vida. Nossa revolução tática de esquerda hoje é manter os espaços de poder que conquistamos e amplia-los cada vez mais, ocupando todos os espaços de comando exitente, desde as associações de bairros, Câmaras de vereadores a Presidência da República, só quando de fato e de direito tomarmos as redias do poder e de todos os meios de produção é que vamos de fato REVOLUCIONAR a vida da nossa população. Apesar de hoje temos um operário com Presidente da República, ainda falta muito a fazer e todos nos, militantes das causas libertárias, das ações pelas garantias dos direitos individuais e coletivos da população UNI-VOS! na luta incansável por uma sociedade Socialista, Democrática e Popular que garanta o direito de cada cidadão que só estará abaixo do direito coletivo da Nação, ai entam estaremos vivendo e tendo o prazer de viver numa sociedade sem classes, numa sociedade que se baseia pela justiça social e de igualdade de direito, de fato num pais de todos.

quinta-feira, 8 de abril de 2010

É PRA BOTAR PRA MOER!
É muito bom quando você pode através do seu trabalho melhorar e mudar a vida das pessoas, a política é uma arte e quando bem usada ela se transforma no instrumento extraordinário e revolucionário na luta pelo bem estar de uma sociedade, um grande exemplo prático e mais recente que posso citar é o projeto do Via Mangue, alguns poucos e sobre tudo cidadões abastados que vivem na vida "difícil" de morar em seus belos apartamentos na beira mar, que levam a vida em trabalhar nos escritórios essecivamente refrigerados, que fazem o translado de casa para o trabalho nos seus carrões com os vidros fechados e de preferência brindados, podem tentar desqualificar um obra como essa ou principalmente tentar descredênciar uma gestão que tem como meta principal mudar e melhorar a vida de todos em especial e primordialmente a dos mais pobres. Criticar aquilo que você não conhece é muito fácil, criticar a vida do outro que contrasta com a que ele tem é muito bom, quem critica o bolsa família são os mesmo que criticam obras e gestões que priorizam o povo e utilizam o povo apenas como massa de manobra para seus objectivos escusos , comendo na mesa farta do poder e enriquecendo nas custas do povo. Não é que a Via Mangue esteja sendo criticada e não está, mais senti a necessidade de fazer esta reflexão porque não podemos vacilar nem um minuto com essa burguesia que ainda tem seus representantes em ação, só que o povo unido pode tudo e trabalhar, e lutar ao lado deste povo é muito bom e não só aqueles que estam lá na base matando um leão todo dia, mais também ao lado de homens e mulheres do povo e que hoje estam nos espaços do poder ( no OP) botando a maquina pra moer para melhorar a vida da nossa gente, no governo e nos movimento que é da onde vim, não nego e tenho um orgulho danado.Você participar de ações que mudam radicalmente a vida das pessoas, dando uma condição de moradia descente para todos é muito bom, é nisto que temos que nos apegar e continuar na luta para que todas as mudanças que estam em curso continue a avance cada vez mais numa sociedade sem classes, igualitária e socialmente justa, por tanto a luta não para e temos que ter cada vez mais pessoas como nos que pensamos assim nôs espaços de poder e desta forma colocar em prática (como já estamos colocando) nossas idéias e experiências e juntos fazer uma grande revolução social.

quinta-feira, 1 de abril de 2010

SONHO, UNIÃO, CORAGEM E COMANDO!

Tem certas coisa que quando você ver ou escuta nôs traz a necessidade e até mesmo abre uma janela para reflexição, no meu caso hoje foi o filme sobre a vida de CHE e quatro palavras para me foram primordiais , nortearam e descrevem o que foi necessário para alcançarem seus objetivos: Sonho(utopia), União , Coragem e Comando.Essas quatro palavras juntas e colocadas em pratica convergiram para conquistarem seus objetivos: Fazer uma revolução armada, conquistar e derrubar o poder opressor e finalmente devolver o poder da nação ao povo através de uma sociedade socialista liderada por homens que sonharam e realizarão este grande feito.
Sonho, União, Coragem e Comando quem faz e pratica a verdadeira Política sempre se depara com estas palavras, elas de fato norteiam nossa ação seja para enfrentar uma eleição ou governa em favor do povo, tudo começa pelo Sonho de ter e construir uma sociedade melhor para todos, aparti do nosso sonho nos Unirmos com outros(as) companheiros(as) que pensam igualmente a nos, e ai juntos e unidos criamos Coragem para enfrentar a tudo e todos que ficarem em nosso caminho na busca de uma sociedade justa e igualitária, e para que estejamos como uma verdadeira orquestra afinadissima, um exercito pronto para guerra, temos que ter um único Comando que conduza a tropa ao seu objetivo e ao final sejamos todos vencedores.
Eu particularmente já tive a oportunidade de colocar em pratica o que estou escrevendo nesta pequena reflexição em dois momentos diferentes, Comandando e sendo Comandado e nas duas ocasiões tive o prazer e a felicidade de sair vencedor. Primeiro sonhando e me unido a outros tivemos coragem de enfrentar uma eleição de bairro e sairmos vitoriosos e para quem pensar que, apesar de ser uma eleição de comunidade não deixou de ser difícil haja vista que se trata de um bairro que é o 6° maior da cidade em extensão dificultando muito a locomoção, existiam 13 urnas espalhadas pelo bairro só de messário e ficais eram 78 pessoas, e a maior dificuldade é disputar contra o poder económico e estruturas já consolidadas no meio político e também fazer com que o povo acredite na sua mensagem e saia de casa pra votar mesmo não sendo obrigatório. E por duas vezes graças a Deus saímos vitoriosos com 2300 e 2600 votos consecutivamente e no final uma convicção, não é fácil comandar, mas é um sentimento maravilhoso quando sua ação se transforma em obra que melhoram a vida do povo. E a segunda oportunidade foi vencer eleições sendo comandado por ótimos lideres e para citar como exemplo a ultima que participei em 2008 na ocasião me dividindo entre coordenar a campanha de Vereador e ajudando a coordenar a do Prefeito, e mesmo tendo participado de outras eleições esta foi especial pois foi desde o seu inicio muito disputada e tendo como comandante um companheiro que não fazia parte dos políticos já carimbados e que já haviam participados de varias outras eleições, e sendo o que representava de novo sairmos vecendores e sendo Prefeito também trouxe para sua gestão um modo novo de governa decidindo com o povo o que é melhor para cidade, e é muito bom agora como governo continuar sobe seu comando e juntos fazer com que para o povo, esta seja uma das melhores gestões que a cidade já teve.
Por fim quero dizer que tudo foi possível e tudo só é possível quando sonhamos juntos, unirmos força, criamos coragem e tenhamos um comando que como todos os outros sonha com uma vida melhor para todos, Comandar é sobre tudo ser um instrumento de convergência de sonhos e anseios que juntos podemos colocar em ação a luta para que nossos sonhos se tornem realidade, não existe comando imposto ou comando que se baseia por distribuição de bondades, benesses, afagos a uns, querendo ser bonzinho com todos e o projeto principal se deteriorando, numa luta, numa revolução social que luta por melhoria de vida não cabe espaço para outra coisa que não seja a busca de um mundo melhor,não a espaço para brigas ou intrigas, só a espaço para unirmos força em busca do nosso objetivo, imaginem se CHE tivesse brigado com FIDEL, CUBA da forma que agente conhece hoje não existiria, podemos ter divergências de ideias mais o objetivo final é um só. Quando refletimos, nossos pensamentos nôs levam a vários caminhos o meu neste momento é que quando queremos, juntos podemos quase tudo e com a ajuda de Deus e do povo realizamos verdadeiros milagres.